sábado, 6 de junho de 2009

IR

Vou que vou
Vôo sem pressa
Vou nessa
capicce?


5 comentários:

Anônimo disse...

Ir.Mais que intransitivo.
Plenamente transitivo!
De um lugar para outro.
Em indo com o auxílio de que?
Se vou que vou, vôo com quem?
Imagens passam enquanto transito.
Coisas e pessoas ficam pra trás,
Por ser remetido, ser conduzido,
Num horizonte anelante,
Da fronte do coração à alma gritante.
Vou que vou.
“Deixe-me ir
Preciso andar
Vou por aí a procurar”
Sonhos precisam ser alcançados
Palmilho, ando e marcho.
“Vim de longe vou mais longe
Quem tem fé vai me esperar...
E a gente fazendo conta
Pro dia que vai chegar”
Eu entendo.

Oldneo
(ioiobem)

Rapha disse...

Sinto que o Oldneo Anonimo da grandecissimas contribuicoes para o blog.
Continue sempre com a gente Anonimo Oldneo!
Na LUZ!

Josa disse...

apereça sempre oldneo,

sua maturidade e poesia cairá muito bem a esse espaço.

abs grande

Paulo Tamburro disse...

JÁ SOU SEGUIDOR DE VOCÊS!!!

PARABÉNS.

Josa disse...

portas abertas paulo.

abs grande