terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Larissa

Subitamente. Sem alarde. Ela vem.
É assim sempre esperável.
É assim que lhe convêm.
Subitamente.

Pois venha!
Apetite saboroso e incontrolável,
De touro e de javali,
De anarquista e de feminista.

A você sempre voltamos.
És moto-contínuo de Bob,
Chico, de Zé...
De muita gente.

Reencontremo-nos, sempre!

3 comentários:

Tyler Durden disse...

Genial Josa!!
ficou bom pacas o texto, to gostando mto do blog de vcs, ateh pensando em fazer um se pá, botar pra fora tudo q se passa na cabeça, eh massa uhehuehue

abrações meus brothers

fiquem na luz

Tyler Durden disse...

by the way tyler durden eh o Yuri hueuhehue

Anônimo disse...

ááááááááááááááá Tyler, I love you cat!
á rá!